*body* *head*
top of page
O SPED Automation® nasceu com a missão de acelerar a transformação digital em Tax por meio

Caixa orienta trabalhadores como utilizar parte do saldo do FGTS para adquirir cotas da ELETROBRAS

Publicado em 03/06/2022


É possível utilizar até 50% do saldo disponível na conta do FGTS. Interessados devem iniciar o processo pelo App FGTS


A partir de sexta-feira (03/06) até a próxima quarta-feira (08/06), cerca de 40 milhões de trabalhadores de todo o país, com saldo disponível na conta do FGTS, poderão aplicar recursos na Eletrobras. Para investir, é necessário o valor mínimo de R$ 200, sendo possível utilizar até 50% do saldo disponível das contas de FGTS ativas e inativas.


O primeiro passo é autorizar a Administradora de escolha do trabalhador a consultar o saldo do FGTS. Isso já pode ser feito de forma rápida e 100% digital pelo aplicativo do FGTS e Internet Banking CAIXA. Nesses canais também é possível simular o valor disponível para aplicação.


O segundo passo é realizar a aplicação do saldo do FGTS em um Fundo Mútuo de Privatização, chamado FMP-ELET. O trabalhador deve procurar a instituição Administradora escolhida e solicitar a aplicação, ou seja, a reserva do saldo do FGTS. Todo relacionamento do trabalhador para efetivar a aplicação se dará com a instituição selecionada, que passa a ser responsável pela aplicação do saldo de suas contas do FGTS.


Não estarão disponíveis para aplicação os valores que estiverem bloqueados na conta do FGTS, como garantia de operações de crédito com antecipação do Saque-Aniversário, por exemplo.


Como autorizar a Administradora


Para facilitar, a CAIXA criou um passo a passo de como fazer essa autorização, pelo App FGTS.


1 – Abra o App FGTS


Caso não tenha o aplicativo, o trabalhador pode baixar o App FGTS nas lojas Google Play Store ou Apple Store. Após realizar o login, clique na opção “Autorizar bancos a consultarem seu FGTS”.

2 – Autorize a consulta


Em seguida, na tela de autorização para consulta às informações do FGTS, clique na opção “Aplicação nos Fundos Mútuos de Privatização FGTS”.


3 – Selecione o Fundo de Privatização para autorização


Clique em “FMP Eletrobras” e depois em “continuar”.


4 – Conheça os termos


Em seguida, clique em “Visualizar termo”.


5 – Confira o termo de autorização


Leia atentamente as informações, marque “li e aceito os termos e condições” e depois clique em “continuar”.


6 – Selecione a Administradora FMP


Digite o nome da Administradora FMP-FGTS escolhida.


É possível escolher uma das Administradoras que se habilitaram a operar junto ao FGTS nessa Oferta: CAIXA, Banco do Brasil, Bradesco, BTG Pactual, Daycoval, Genial Investimento, Itaú, Safra, Santander e XP Investimento.


7 – Selecione a Administradora FMP


Após selecionar a Administradora, autorize clicando na opção “Sim” e confira a Instituição selecionada.


8 – Procedimento concluído com sucesso


Você acabou de autorizar uma Administradora FMP-ELET. Caso deseje, é possível alterar ou cancelar a autorização, a qualquer momento, até a efetivação da reserva.


Regras de utilização


Os procedimentos e regras de utilização para os trabalhadores e Administradoras FMP estão contidas no Manual Operacional de Aplicação de FGTS em Fundos Mútuos de Privatização, publicado por meio da Circular nº 988 de 30/03/2022, e disponível em Link, pasta FGTS Manuais e Cartilhas Operacionais.


Dúvidas


Em caso de dúvida, os trabalhadores devem acessar os canais oficiais da CAIXA, como o telefone 4004-0104, para capitais e regiões metropolitanas, e o 0800 104 0104 nas demais regiões. Saiba mais em fgts.caixa.gov.br e www.fgts.gov.br.


Acompanhe as redes sociais da CAIXA:



Fonte: Caixa Notícias


1 visualização

Posts Relacionados

Ver tudo
bottom of page